2009-01-27

Feliz Ano novo


Olá pessoal ...
Espero que tenham tido um optimo Natal e entrado com o pé direito neste novo ano tão amaldiçoado pelas nuvens negras da recessão , deixo-vos um conselho , se são pessoas de pasta não se preocupem , o governo irá cobrir os vossos saldos negativos , se são pobres podem começar a chorar ...
Espero que tenham estudado bem as resoluções de novo ano , já basta que nunca as cumprimos , seria chato nem sequer fingirmos que as levamos a sério ...


Dado que começamos um novo ano , algo que sempre entendemos como uma nova promessa de vida , seria a altura ideal para anunciar , se houvessem , as mudanças radicais que serão implementadas neste blog , infelizmente (ou não) as linhas orientativas e o formato não sofrerão qualquer alteração , não haverá pois implementações , o jazz continuará a ser rei e continuaremos a tentar convercer-vos que o é de facto a musica mais maravilhosa deste planeta azul ...

Uma alteração será forçosaa por limitações de espaço no servidor , todas as musicas disponibilizadas serão apagadas , se existem algumas que gostariam de possuir e ainda não descarregaram aproveitem e façam-no agora , dentro de proximamente uma semana não estarão mais disponiveis .
Contudo haverão também coisas novas , uma delas é um dos meus presentes de Natal que irei partilhar convosco num futuro próximo , um filme de banda desenhada que é um marco no relacionamento com o meu filho Fred , Fritz The Cat ...
Quando adormecia o meu filho contava-lhe sempre uma historia , passado pouco tempo tinha-se esgotado o repertorio e tive de improvisar , inspirei-me na personalidade do Fritz e comecei a inventar historias baseadas no filme , ele adorava e apesar de ter apenas meia duzia de anitos delirava com cenas eróticas que como aperitivo principal do filme eu não podia descartar , o puto gostava de tal forma que já não era conta-me um historia , era conta uma historia do Fritz The Cat e não te esqueças das meninas ...
Bom , durante muitos anos procuramos o filme em vão e neste natal ele encomendou-o na Amazon e ofereceu-mo . De todos os filmes de banda desenhada que tive oportunidade de ver houveram 3 que achei fenomenais , Fritz the Cat , O Planeta Selvagem e um outro constituido por uma coletanea de filmes de Walt Disney onde as falas e banda sonora originais foram subastituidos por musica de Strawinsky . Fritz The Cat em particular tem uma historia engraçada , uma banda sonora execpcional e um desenho fora de serie com prespectivas de todos os angulos dos arranha ceus de Nova-Iorque , tem amor , paixão , ódio , sexo , droga , violencia e um retrato da vida com o qual é dificil não nos identificar-mos , tá prometido , será disponibilizado num dos proximos posts .


Num dos ultimos posts prometi também que dariamos mais atenção ao jazz contemporaneo e é precisamente o que iremos fazer no proximo , falaremos duma banda que se quisessemos usar uma terminologia politica para a defenir seria a extrema esquerda do jazz , os Massada de John Zorn , musico que tem actuado entre nós com alguma frequencia e um dos expoentes maximos do jazz experimentalista .


Não posso dizer que esteja muito optimista em relação e este recem-entrado ano , as noticias deixam transparecer cada vez mais uma sociedade ferida na sua economia escondendo um mal mais profundo , uma doença degenerativa , um Alzeimer ou um Parkinson-Social , males duma sociedade que ve os seus valores desmoronarem-se a uma velocidade que não permite cimentar outros que de alguma forma os subsistuam . Quando começam a acontecer coisas como os USA declararem publicamente que torturam pessoas e defenderem-no publicamente como algo aceitavel mostra até que ponto o inconsciente coletivo está a ser desmembrado de humanismo , perante o enorme numero de acontecimentos desagradaveis com que todos os dias somos bombardeados cedemos á desvalorização dos padrões que deveriam conduzir o ser humano a um plano superior , mais humanista , mais fraterno , mais solidário , seguir a lógica natural da evolução , a elevação ... Contudo pouco a pouco vamos aceitando cada vez mais o inaceitavel , talvez nos comece a faltar capacidades para digerir toda a informação , o que resulta numa brutalização da nossa emotividade .
Queria fazer ainda uma referencia ao FCP e pelas piores razões , a promiscuidade nas relações entre o Sr Pinto da Costa , a SAD e as claques , volta a estar na ordem do dia com as afirmações de Paulo Assunção que teria sido ameaçado para renovar , ameaçado de levar um tiro no joelho e perseguido na rua , factos que até poderiam passar por telenovela se não houvessem precedentes como o ataque ao carro do treinador holandes , as ameaças a Mourinho e a sova a um vereador , tudo ao bom estilo da velha Chicago de Capone , relações promiscuas e inaceitaveis como usar uma claque como guarda-costas e quem sabe como exercito clandestino destinado a fazer os trabalhos sujos que uma pessoa honesta não pode tomar em mãos , os adeptos e simpatizantes do Porto não se reveem nestes esquemas mafiosos , repudiam estes actos e muitos começar-se-ão a indagar se queremos continuar a ser campeões a este preço , se continuamos a querer este presidente escreva as paginas de glória do clube nas costas das folhas das historias de prostituição , corrupção , violencia e coação .

Bom ,não vos lixo mais a cabeça , que seca , já não bastam os noticiarios , mas carago não são só más noticias , com esta crise tudo vai ter de ser encurtado , e aí estão incluidas as mini-saias , os decotes , os bikinis , vão ver que o Verão até nem vai ser assim tão mau ...


E falando de crise , embora se diga muitas vezes que o dinheiro não fala , há quem tenha outra opinião como JJ Cale , Money Talks e já que falamos em JJ Cale vamos ouvir mais algumas musicas deste bluesman nascido em Oklahoma em 1938 que compos os famosos temas «Cocaine» e «After Mi8dnight» , um cantor excelente mas sobretudo um fenomenal guitarrista que inspirou dois dos maiores musicos do Rythm and Blues , Eric Clapton e Mark Knopfler , que almejavam tocar como JJ Cale ...





After Midnight
Changes
Mama Don´t
Low Rider
Hard Love
Lies
Right Down Here
Going Down




Um bom ano para todos , muita felicidade , melhor toda a felicidade do mundo , vocês merecem , são pessoas muito queridas e merecem tudo porque o mundo seria muito melhor se todos fossem como vocês , bom seria melhor se voces realmente gostassem de jazz , tenhem contudo feito um esforço enorme , eu sei , por isso um abraço ...





1 Comentários:

Às 16:42 , Blogger Titá disse...

:-) está simplesmente genial...este post está genial.
Tinha saudades de te ler na tua mais aguçada ironia.

beijos e saudades

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial