2008-12-10

Espelho , espelho meu , existe alguém melhor que eu ?

Não sei alguma vez o referi mas tenho uma irmã mais velha que eu sete anos . Quando a minha irmã nasceu não havia mais criança nenhuma na familia , ela era a joia , o centro das atenções , o centro do universo ... Tudo ficou diferente quando eu nasci , muito diferente , os meus 4 tios nunca conseguiram disfarçar a sua preferencia por um macho , nem a minha avó , nem tão pouco os meus pais . A minha irmã entrou em depressão , por ordem médica foi afastada da familia e viveu os meus dois primeiros anos de vida com a minha avó . Canalizou todas as atitudes negativas da situação sobre mim e destestava-me e quando digo detestava-me não estou a empolgar a historia , ela não gostava mesmo de mim ... Com o tempo a coisa só piorou , tinha eu 6 ou 7 anitos e a nossa relação era explosiva , ficavamos praticamente sós durante todo o dia e ela achava que como mais velha deveria ser ela a mandar na casa na ausencia dos meus pais , claro que eu achava que como macho deveria ser eu a assumir o control . Não se riam , nasci no regime salazarista e a superioridade do homem sobre a mulher não era só inquestionavel como tabu ... Tudo isto acabava irrewmediavelmente em pancadaria e numa dessas cenas de Far-West ela atirou-me com um espanador , voces sabem como são as mulheres , não tem pontaria nenhuma , mas acertou num espelho de cristal que acompanhava o movel da sala que ocupava toda a parede .
A minhã irmã desatou a chorar e só dizia , a mãe vai-me matar , a mãe vai-me matar ... Ao fim duma hora não conseguia ouvi-la mais , pedi-lhe pelas alminhas que se calasse um bocado , em vão ... Vai daí propus-lhe que se se calasse eu dizia que tinha sido eu que tinha partido o espelho , a verdade é que faria qualquer coisa para não a ouvir mais ... E ela lá se calou .
Quando os meus pais chegaram e viram o espelho partido tiveram um ataque , quem é que fez isto ? Eu disse com toda a calma , fui eu , atirei com o espanador á mana e acertei no espelho . A mamã querida pegou no habitual chinelo e deseancou-me forte e feio , o papá e a mana assistiam de plateia sentados no sofá ...
Quando acabou a sova e já tudo tinha acalmado a minha irmã desata a chorar como uma Madalena , o meu pai diz-lhe , cala-te , isto não é nada contigo , ao que ela responde , é comigo é que fui eu que parti o espelho .
A minha mãe passou-se , voltou a pegar no chinelo e dirigiu-se para ela , mas o meu pai parou-a , tirou-lhe o chinelo da mão e falou textualmete assim :
- Já foi uma pessoa castigada pela merda do espelho , não te chega ? Eu pago a merda do espelho , manda por um espelho novo e não quero voltar a ouvir falar nunca mais da puta da merda do espelho nesta casa , perceberam ?
Bom , a verdade é que a atitude da minha irmã para comigo alterou-se radicalmente , de vilão passei a ser o seu herói , ainda hoje ela acredita que sou a melhor pessoa do mundo , por muito que lhe repita que só o fiz porque já não conseguia ouvi-la mais , ela não acredita , e vocês acreditam que até nem é nada mau sermos considerados como um herói ? E será que faz assim tanta diferença tê-lo feito pelos meus ouvidos e não por ela ? A verdade é que quem levou a sova fui eu ...





1 Comentários:

Às 01:53 , Blogger Mário disse...

Tb apanhei MT de chinelo da minha mãe. Imagino a sova que levaste...
Como era esse chinelo, doía MT?

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial