2008-10-15

Hellen Merril


Existe uma senhora que nunca foi aqui referenciada apesar de ser uma das grandes divas do jazz , Hellen Merril nascida em Nova Iorque no ano de 1930 . Se houvessem duvidas quanto á sua qualidade , bastaria dizer que poucas cantoras de jazz se podem gabar de terem sido acompanhadas por um lote de musicos tão famosos como Charlie Parker , Miles Davis , Bud Powell , Earl Hines , Clifford Brown , Gil Evans , Stephanie Grapelli , Gordon Beck ou Steve Lacy .


Hellen Merril começou a tocar profissionalmente aos 14 anos e o seu ultimo trabalho Love Is Song data de 2005 , gravado aos 75 anos .
As musicas abaixo pertencem ao album Music Makers , os musicos da banda são Stephanie Grapelli , Gordon Beck e Steve Lacy . Talvez seja para muitos uma surpresa que a voz que vão ouvir pertença a uma senhora de 56 anos , a idade de Merrill quando a obra foi editada em 1986 .


Round Midnight
Sometimes I Feel Like A Motherless Child
Solitude
When Lights Are Low
Nuages
Music Makers

Estas são pouco menos de metade das musicas da obra , Nuages , Solitude , Round Midnigth são clássicos bastante conhecidos , curiosamente esta foi a primeira obra que conheci da cantora , ainda tenho o vinyl , outra curiosidade , o tema Sometimes I Feel Like a motherless Child , um espiritual negro sobre o qual pesquisei , a primeira informação foi de que teria sido escrito em 1926 por J.W. Johson e J.M. Johnson , como poderão ver no segundo video terá sido da autoria de Samuel Coleridge Taylor (1875-1912) e faria parte da obra Five Negro Melodies For Piano Trio , Opus 59 .
A primeira vez que o ouvi foi no Festival de Woodstock de 1969 , interpretado por Richie Heavens , na altura não fiquei muito impressionado , ao longo dos anos fui ouvindo-o aqui e ali , é um tema bonito com um poema triste , não fosse um espiritual negro , se se derem ao trabalho de pesquisar vão descobrir que mesmo muitos musicos de diferentes quadrantes tocaram este tema .



Richie Heavens , Festival de woodstock , 1969








Se depois de teram acionado o video carregarem no botão do canto inferior direito e depois a 1ª opção de baixo para cima , poderão ver a grande variedade de videos existentes no You-Tube com este tema , existem alguns de coros de igrejas ou associações religiosas que não posso deixar de aconselhar .






2 Comentários:

Às 12:00 , Blogger Tita disse...

espectacular!

 
Às 11:50 , Blogger Ana disse...

Exmo Senhores,



Actualmente trabalho na parte de pesquisa da CBV (Produtora de Televisão), para o programa de televisão "A MINHA GERAÇÃO" - em exibição na RTP1, ao Domingo à noite, em directo e apresentado pela Catarina Furtado. Trata-se de um programa de entretenimento, marcado essencialmente por uma vertente de espectáculo (música e variedades). A música é aliás o fio condutor, que nos remete para diferentes épocas. Cada emissão é dedicada a uma década (por exemplo, o primeiro foi dedicado aos anos 80) e todos os conteúdos são ajustados a essa época - música, guarda-roupa, acontecimentos, personalidades, etc. Neste sentido, pretendemos abordar acontecimentos, personalidades, figuras públicas que marcaram Portugal, desde os anos 60 até aos dias de hoje, mas numa óptica diferente: ou seja, dando voz a pessoas que não são muito conhecidas do grande público e que têm algo de interessante/engraçado para contar sobre alguém conhecido ou no contexto de um acontecimento histórico.
De acordo com a nossa pesquisa, para uma das emissões dedicadas aos anos 60, consideramos relevante a abordagem do ponto de vista de algum português que tenha estado em 1969 no WOODSTOCK. Assim achamos interessante se incluirmos testemunhos de alguém que esteve presente e que nos pudésse mostrar um lado mais real/pessoal do que se passou. Neste sentido, solicito a sua ajuda da seguinte forma: identificação de alguma história engraçada/interessante que tenha ocorrido , história de alguém , a sua experiência, etc. O objectivo é essencialmente ter um convidado que tenha uma história interessante para contar ou até mesmo que conheça alguém que nos possa ajudar, isto claro, se não se mostrar disponível a colaborar connosco, o que para nós é sempre preferível.



Este e-mail é enviado sem qualquer compromisso sendo de sua decisão a colaboração ou não no programa da "Minha Geração" sobre os anos 60. Se necessitar de algum esclarecimento não hesite em contactar-nos. Em meio nome e em nome de toda a nossa equipa muito obrigada pela tempo que disponibilizou a ler esta mensagem.

Se souber de algum tipo de informação que seja interessante ou que permita chegar até algum presente não hesite.


Grata pela atenção, aguardo a sua melhor resposta o mais breve possível!


Cumprimentos,



Ana Carolina Gama

anokas_gama@hotmail.com

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial