2007-12-03

Violencia , a inteligencia dos parvos

Para não fugir á regra as cenas de violencia fortuita voltaram a manchar o classico Benfica-Porto . Devemos agradecer ao Nuno Gomes a ajuda dada , o que não é novidade , se bem se lembram quando o ano passado perdeu em Braga teve aquele gesto infeliz de mimica , simulado que se injectava , acusando os jogadores do Braga de estarem dopados . A Federação ignorou-o , ignorou um insulto desrespeitoso a toda uma equipa , mas mais que isso permitiu que ficasse impune uma atitude provocatória que como todas as atitudes provocatorias servem apenas para exaltar os animos , lançar axas na fogueira e criar o ambiente propicio ao aparecimento da violencia fortuita . Mas é apenas um exemplo , ouvimos constantemente declarações de dirigentes e assistimos a titudes de jogadores que geram o ambiente propicio á violencia , não apelando directamente , lançam as sementes e deixam florescer naturalmente a o ódio que a gera .
Um desporto que deveria ser um elo de ligação entre as pessoas e uma festa da amizade transforma-se assim num fenomeno social onde são cultivados os mais negros
sentimentos do homem , os dirigentes dão o mote , os jogadores incendeiam e os responsaveis fecham os olhos , tudo pela paixão do futebol ...
No futebol moderno onde o espectaculo já não é prioritário , ganhar a qualquer preço é a filosofia , na verdade adapta-se ás novas realidades sociais , a dignidade é pros parvos , a honestidade pros burros , a verdade pros analfabetos ...
Algo está mal no futebol e todos sabemos o que é , as verbas envolvidas ...
Onde o dinheiro fala mais alto as consequencias são sempre as mesmas , a História não mente ...



0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial