2007-09-24

S´pontâneo , a Street jazz Band

Quando alguém entre nós decide dedicar-se á música e opta pelo jazz , alguns dirão que é no minimo um surrealista inocente com uma aura de optimismo , mas é sobretudo alguém que acredita em si e no seu potencial , por muito inocente que seja tem certamente noção que se está a meter num território onde só os melhores conseguem sobreviver , optar por ser musico de jazz em Portugal é um acto de coragem , mas é também um acto de amor , o jazz exige uma dedicação tão profunda como a musica clássica ou o ballet e mesmo os que conseguem impor a sua classe tem vida dificil no pais do pimba onde não há uma cultura jazzistica .

Estes heróis merecem todo o meu apoio , o vosso também espero , por isso este post que homenegia uma muito jovem banda de jazz de Sintra , um quarteto , acreditem ou não uma genuina Street-Band , os S´pontâneo , André Marques (saxtenor) , Paulo Cruft (guitarra) , Francisco Brito (baixo) e Marcos Gomes (percurssão) .




Infelizmente não tenho nenhuma musica que possa publicar porque não existe musica gravada desta banda , eu sei que não dá para acreditar que no minimo nunca pegaram num MP3 e gravaram qualquer coisa , vocês sabem , são jovens , os dias são tão curtos , é muita cabeça a pensar , acredito contudo que brevemente poderemos ouvir um pouco da espontaniedade dos « S´pontâneo » , mas se passarem pelas ruas de Sintra talvez tenham a sorte de os ouvir e se quiserem dar uma ajudita á sorte vão ao Bar Hockey .



0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial